Os monopólios e oligopólios são conglomerados que podem prejudicar a saúde econômica e até mesmo ser responsável pela falência de empresas menores. Esse cenário é possível graças ao grande poder de produção e atuação que tais empresas possuem. Tal comportamento empresarial pode comprometer a rotatividade econômica e concentrar o capital na mão de poucos.

Milton Friedman, renomado economista norte-americano e conhecido como um dos maiores entusiastas do libertarianismo, fala sobre a causa dos monopólios. Para ele, a origem dos monopólios é simples: intervenções governamentais. Tais privilégios incluem proteção tarifária e até mesmo a criação e/ou adaptação de leis que favorecem as atividades dessas grandes empresas.

Porém, o que favorece os monopólios, não costuma beneficiar as companhias concorrentes…

E a solução?

De acordo com Friedman, a implementação das livres trocas criaria uma economia mais competitiva e impediria o crescimento de monopólios. Pode parecer um trabalho difícil, mas o economista garante que seria algo realmente simples. Com a eliminação de tarifas, burocracia e restrições, é possível estimular competidores internacionais e atraí-los para os mercados internos e assim, criando uma renovação econômica para a região em questão.

E você, concorda com a posição de Milton Friedman? Assista ao vídeo, acrescente essa teoria a seus conhecimentos e realize bons negócios.

Escrito por Larissa Moutinho, jornalista MTB 6805, assessora responsável pela comunicação da TORO Investimentos. Foi editora da Revista ADVFN e jornalista da InvestMais. Pós-graduada em marketing e pós-graduanda em finanças.

Anúncios