A cada ano, o número de investidores brasileiros aumenta consideravelmente. Para se ter uma ideia, o Tesouro Direto, programa que negocia títulos públicos, alcançou um novo recorde em fev/2017, atingindo o valor histórico de R$ 42,9 bi em estoque (o que representa um crescimento de 53,2%). Foram 18.538 novos investidores em apenas 12 meses.

Há diversas formas de se preparar para aplicar na bolsa de valores ou em outra modalidade de investimento. A investidora Nathalia Arcuri, do blog Me Poupe, ajuda investidores iniciantes. Confira os cinco passos trazidos pelo site para auxiliar cada perfil de investidor a fazer as melhores escolhas:

1- Tenha objetivos

É importante colocar no papel todos os seus objetivos e metas. Esso é o passo mais importante. Ou seja, defina criteriosamente a meta que planeja atingir por meio do investimento escolhido.

2- Defina prazos

Pensar no curto, médio e longo prazo é um dos principais quesitos para definir a estratégia de investimento. Como a aplicação será feita e por quanto tempo? Quando o dinheiro aplicado será restado? Essas são algumas das perguntas que os investidores devem fazer antes de definir a modalidade de investimento.

3- Ter dinheiro

Para realizar um investimento é necessário ter uma reserva de dinheiro destinada a isso. Pode parecer óbvio, mas esse é um erro comum, principalmente com investidores iniciantes. Por isso os passos anteriores são tão importantes. Agora, com os objetivos e prazos definidos, é o momento de decidir o valor que será aplicado.

4- Definir uma estratégia

Com os outros passos preparados, conhecer os tipos de investimentos é de grande importância para definir também qual o seu perfil de investidor. Estudar e conhecer o funcionamento e a taxação sobre os investimentos – além dos riscos oferecidos por cada modalidade – será fundamental para obter sucesso com as aplicações.

5- Por onde começar

Para àqueles que nunca investiram, exemplos como o Tesouro Direto costumam ser boas opções, pois se trata de um dos investimentos mais simples e seguros no país, principalmente para quem costuma deixar seu dinheiro parado na poupança.

Assista ao vídeo e não perca tempo: Comece a investir! Bons negócios!

Escrito por Larissa Moutinho, jornalista MTB 6805, assessora responsável pela comunicação da PHI Investimentos. Foi editora da Revista ADVFN e jornalista da InvestMais. Pós-graduada em marketing e pós-graduanda em finanças.

Anúncios