Gravado diretamente dos estúdios da B3, a nova bolsa de valores brasileira, o programa Dinheiro na Semana, realizado pela IstoÉ Dinheiro, traz um assunto que está em voga na mídia: as reformas da previdência e a trabalhista em meio à crise política.

Para falar sobre o assunto – que é fundamental para a recuperação da economia brasileira e a superação da recessão –, o programa convida Marcos Castro, presidente Instituto Brasileiro dos Executivos de Finanças de São Paulo (Ibef-SP) e sócio da consultoria PwC.

As reformas

Primeiro, Castro aponta para os índices e resultados a curto prazo, que não eram vistos em um cenário positivo há mais de três anos. Segundo ele, isso corrobora com a aprovação das reformas, mas o cenário político cria instabilidade.

A expectativa de que os juros caminhem para um dígito até o fim de 2017, também pode ser interpretada como um ponto positivo para a recuperação do crescimento econômico, mesmo que os cortes sejam menos intensos. Para o Castro, investidores estrangeiros, empresários e parte dos políticos brasileiros percebem que a crise política é um assunto e que o avanço das reformas é outro.

Pode não acontecer nada?

Quando questionado sobre a possibilidade do cenário permanecer imutável este ano, Castro enfatiza que a instabilidade política no país dificulta prever acontecimentos futuros.

Além do avanço das reformas, o vídeo traz também dados pontuais sobre o momento econômico e informações sobre a diminuição do desemprego. No quadro “Descomplicando a Economia”, Luís Artur Nogueira fala sobre a taxa básica de juros.

Assista ao programa e atualize-se sobre a situação do Brasil. É momento para reavaliar investimentos e decidir os próximos passos e negócios futuros.

Bons investimentos!

Escrito por Larissa Moutinho, jornalista MTB 6805, assessora responsável pela comunicação da PHI Investimentos. Foi editora da Revista ADVFN e jornalista da InvestMais. Pós-graduada em marketing e pós-graduanda em finanças.

Anúncios